Você está em: Início > Notícias

Notícias

18/08/2021 - 11:26

Simples Nacional

Simples Nacional: Impostos devem ser pagos até dia 20

O DAS (documento de arrecadação simplificado), é uma das obrigações mensais das empresas que estão enquadradas no Simples Nacional.


Através dessa guia, o empresário recolhe seus impostos, por isso, é importante estar atento ao prazo de pagamento, principalmente com a retomada dos pagamentos dos impostos que haviam sido prorrogados pelo Comitê Gestor do Simples Nacional (CGSN).


O pagamento foi divido em cotas, neste mês, por exemplo, os contribuintes precisam pagar a segunda cota até o dia 20. Para cumprir com essa obrigação e emitir a guia, é preciso acessar o Programa Gerador de DAS (PGDAS-D). 


Impostos do Simples Nacional 


Através do DAS, as empresas fazem o recolhimento dos seguintes impostos:


Imposto sobre a Renda da Pessoa Jurídica (IRPJ);


Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI);


Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL);


Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins);


Contribuição para o PIS/Pasep;


Contribuição Patronal Previdenciária (CPP);


Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e Sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS); e


Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS).


Mas é importante ressaltar que, aqueles que optaram por pagar em duas cotas, devem emitir a guia contendo 50% do valor total desses impostos. Essa cota é referente ao período de apuração março de 2021 que, originalmente, deveria ser paga em 20 de abril de 2021, precisa ser paga até sexta-feira, dia 20. 


PGDAS-D


Para emitir a guia, o contribuinte deve acessar o Programa Gerador de DAS (PGDAS-D). Isso é feito através das seguintes opções: 


PGDAS-D (Portal do Simples Nacional)


PGDAS-D (Portal e-CAC)


Assim, clique na tela “Cálculo e Declaração” e depois em “Clique Aqui”. O acesso se dá por meio de Certificado Digital ou Código de Acesso. Vale ressaltar que todas as informações prestadas no PGDAS-D têm caráter declaratório, constituindo confissão de dívida. Então, esse procedimento também funciona como uma declaração dos impostos devidos pela empresa.


Depois disso, a empresa deve efetuar o pagamento até o dia 20 do mês subsequente ao período de apuração (PA).


Vale ressaltar que esse procedimento também precisa ser realizado ainda que a ME ou a EPP não tenha auferido receita em determinado período ou permaneça inativa durante todo o ano-calendário. As empresas que deixam de prestar mensalmente as informações no PGDAS-D, no prazo previsto, ou que as prestar com incorreções ou omissões, estará sujeita ao pagamento de multas.


Datas de pagamento


Em 2021, segundo o Comitê, todos os tributos apurados no Programa Gerador, sejam eles tributos federais, estaduais e municipais devem ser pagos da seguinte forma:


- o período de apuração março de 2021, com vencimento original em 20 de abril de 2021, poderá ser pago em duas quotas iguais: a primeira com vencimento em 20 de julho de 2021 e a segunda com vencimento em 20 de agosto de 2021;


- o período de apuração abril de 2021, com vencimento original em 20 de maio de 2021: poderá ser pago em duas quotas iguais, com vencimento em 20 de setembro de 2021 e 20 de outubro de 2021;


- o período de apuração maio de 2021, com vencimento original em 21 de junho de 2021, poderá ser pago em duas quotas iguais: com vencimento em 22 de novembro de 2021 e 20 de dezembro de 2021.


Fonte: CRC



Conheça nossos cursos e faça como
mais de 150.000 alunos que já se capacitaram com a COAD

www.coadeducacao.com.br

Indicadores
Selic Jul 1,03%
IGP-DI Jul -0,38%
IGP-M Jul 0,21%
INCC Jul 0,86%
INPC Jul -0,60%
IPCA Jul -0,68%
Dolar C 15/08 R$5,09190
Dolar V 15/08 R$5,09250
Euro C 15/08 R$5,18560
Euro V 15/08 R$5,18720
TR 12/08 0,1513%
Dep. até
3-5-12
15/08 0,6696%
Dep. após 3-5-12 15/08 0,6696%